AWS re:Invent 2018 – Dia 01
Dia 01 do AWS re:Invent 2018

Ontem começou o AWS re:Invent 2018, maior evento de computação em nuvem do mundo e a Kendoo marca presença neste ano. Espera-se em torno de 60 mil pessoas presentes e pode-se ver em toda Las Vegas pessoas com o crachá de participação no evento.

O primeiro dia já começou bastante agitado, com o credenciamento logo cedo para as dezenas de milhares de pessoas chegando para o evento e diversas palestras simultâneas.

As apresentações no primeiro dia foram muito voltadas para boas práticas de implementações, com alguns casos de sucesso. Ao final do dia, foi aberta a área de expositores, com stands de diversas ferramentas voltadas para utilizar melhor as tecnologias da AWS.

Lançamentos do Primeiro Dia

Os principais lançamentos de ontem foram ligados à infraestrutura da nuvem. Com o AWS Global Accelerator, é possível melhorar o desempenho de aplicações com escala global e o AWS Transit Gateway visa unificar e melhorar as conexões entre diferentes VPCs (Virtual Private Clouds), contas AWS e redes fora da nuvem, como em datacenters tradicionais ou no próprio escritório das empresas.

Além disso, novas instâncias foram anunciadas, levando a muitas novas possibilidades. Ambientes de SAP Hana em nuvem contam agora com instâncias de até 12 TB de memória RAM, cargas de trabalho de alto processamento contam agora com máquinas com processadores de até 4GHz e a construção de clusters para HPC (High Performance Computing) contam com conexões de rede de até 100 Gbps, além da possibilidade de crescer a milhares de núcleos com o novo Elastic Fabric Adapter.

A AWS lançou ainda o serviço Firecracker, que é um novo mecanismo de virtualização para que seja possível executar uma máquina virtual completa em um ambiente semelhante ao AWS Lambda ou o AWS Fargate, levando as arquiteturas Serverless a um novo patamar.

Para ter uma visão geral do primeiro dia, a AWS também publicou um vídeo do evento:

Expectativas para o Dia 02

Para hoje, começamos o dia participando do Partner Keynote, onde a AWS atualiza as diretrizes para os parceiros. Na parte da tarde, além de assistir diversas palestras, estaremos no stand do AWS User Groups, mostrando a importância das comunidades em difundir conhecimento e ajudar empresas a avançarem na utilização de serviços de computação em nuvem.

Entre em Contato